Ouça agora

REDE GAÚCHA SAT

Regional

São José do Inhacorá comemora 29 anos de emancipação

  • 19/03/2021 - 10:16
São José do Inhacorá comemora 29 anos de emancipação

O município de São José do Inhacorá celebra 29 anos de emancipação nesta sexta-feira (19/03) sem comemorações oficiais em razão da pandemia do coronavírus. Com o objetivo de evitar o contágio, especialistas recomendam o isolamento social, além de evitar abraços e apertos de mão. Com a proibição de aglomerações por parte do governo estadual devido à doença, os moradores de São José não terão neste ano a tradicional a festa popular e o jantar do peixe, entre outros festejos.

O prefeito Gilberto Hammes (MDB) Gilberto Hammes destaca que, mesmo com as restrições, a data é importante para homenagear todos aqueles deram a sua parcela de contribuição para o desenvolvimento do município.

- São 29 anos de muita história, conquistas, lutas e desafios, com certeza. Um município que está em pleno desenvolvimento graças a este povo ordeiro e muito trabalhador – comemorou o mandatário.

Emancipado em 1992, São José se notabiliza por ter uma infraestrutura bem organizada, tanto na área urbana como rural, com áreas públicas bem cuidadas, como a Praça Alceu Inácio Fernandes, que encanta os visitantes, e estradas municipais bem conservadas.

Além da produção agropecuária, Hammes disse, em entrevista à Rádio Colonial na manhã de hoje, que o município também conta com empresas que se destacam em diversos setores, como moveleiro, beneficiamento de madeira, transformação de papéis, fábrica de materiais plásticos, processamento de chás, ervas e condimentos, transportes, indústria têxtil, além de ser sede de uma das maiores indústrias de implementos agrícolas do Rio Grande do Sul, a São José Industrial.

São José também atrai anualmente o turismo religioso, tendo um dos santuários mais movimentados da região, o Santuário Parque São Francisco de Assis, e o Calvário.

A população atual do município é de 2.400 habitantes, com um acelerado crescimento urbano nos últimos anos, o que pode ser comprovado pelos novos loteamentos que estão em andamento na cidade.

Fonte: Redação