Ouça agora

MUSICAL 94,7

Polícia

Comerciante é morta em sua própria loja e autoria do crime ainda está sendo apurada, em Três Passos

Mulher, de 55 anos, foi agredida e morta na loja Tradição Campeira, por volta do meio-dia desta quinta-feira (28)

  • 28/04/2022 - 16:14
Comerciante é morta em sua própria loja e autoria do crime ainda está sendo apurada, em Três Passos
Rádio Alto Uruguai

Uma comerciante foi morta no estabelecimento de sua propriedade, no início da tarde desta quinta-feira (28), no centro de Três Passos.

Miria Marlene de Moura, de 55 anos, sofreu agressão na cabeça, que teria sido desferido a partir de um artigo de madeira da própria loja, e acabou vindo a óbito no local. A motivação pode ter sido uma tentativa de assalto à loja, configurando-se em um possível crime de latrocínio (roubo seguido de morte).

Seu corpo foi encontrado por volta de 12h15min, por uma de suas filhas, na parte interna da loja Tradição Campeira, localizada na Avenida Costa e Silva, ao lado da Padaria Celeiro, proximidades do Parque da Feicap. O autor do crime ainda não foi identificado e as motivações também estão sendo apuradas pela Polícia Civil.

Por volta de 15h30min surgiu a informação de que um suspeito para o crime estaria sendo buscado pela polícia, na cidade. Mas ainda não há uma informação oficial nesse sentido.

O corpo da vítima segue no local, até a chegada da equipe do IGP (Instituto Geral de Perícias) de Santo Ângelo, que irá fazer o levantamento pericial do local, buscando elucidar os detalhes deste fato.

O esposo de Miria, que trabalha em um frigorífico da cidade, está acompanhando o trabalho policial.

A Brigada Militar está auxiliando, realizando o isolamento da loja e também bloqueando uma das vias da avenida Costa e Silva, entre o Posto do Nego e a Padaria Celeiro, para diminuir o fluxo de veículos em frente ao local do crime. Também presta apoio na busca pela identificação do possível autor do crime.

O estabelecimento comercial, que trabalha com artigos da tradição gaúcha, foi adquirido pela família há cerca de dois anos.

Postado por Paulo Marques

Fonte: Rádio Alto Uruguai