Ouça agora

MANHÃ SHOW

com ALEXANDRE DE SOUZA

Saúde

Três irmãos morrem de Covid-19 com menos de uma semana de diferença em Xanxerê

Homem de 66 anos deu entrada no hospital no mesmo dia em que as irmãs, de 66 e 60 anos, morreram. Nenhum dos três havia tomado a vacina contra a doença.

  • 23/09/2021 - 11:30
Três irmãos morrem de Covid-19 com menos de uma semana de diferença em Xanxerê
Hospital Regional São Paulo, em Xanxerê - Hospital Regional São Paulo/Divulgação

 

  •  
  •  
  •  

 

                      

Publicidades

                         

23/09/2021 | 09:18 | Saúde

Três irmãos morrem de Covid-19 com menos de uma semana de diferença em Xanxerê

Homem de 66 anos deu entrada no hospital no mesmo dia em que as irmãs, de 66 e 60 anos, morreram. Nenhum dos três havia tomado a vacina contra a doença.

 

 

 

Hospital Regional São Paulo, em Xanxerê - Hospital Regional São Paulo/Divulgação

 

Três irmãos morreram por Covid-19 com menos de uma semana de diferença em Xanxerê, no Oeste catarinense. As duas mulheres, de 60 e 66 anos, morreram com cerca de 18 horas de diferença em 18 de agosto. O homem, de 66 anos, faleceu da doença nesta terça-feira (24).

A prefeitura da cidade confirmou que os três não haviam tomado nenhuma dose da vacina contra a Covid-19. A identidade dos familiares não foi divulgada. Eles estavam internados no Hospital Regional São Paulo.

De acordo com as informações repassadas pela Vigilância Epidemiológica, o irmão das mulheres apresentou os primeiros sintomas no dia 16 de agosto.

Ele procurou atendimento médico hospitalar e teve o diagnóstico positivo para a doença no mesmo dia da morte das irmãs. Desde então, o homem estava internado na Enfermaria Covid e não resistiu. Não há informação sobre o sepultamento.

Morte das irmãs em menos de 24 horas

O primeiro óbito foi registrado por volta das 4h de 18 de agosto. A mulher de 60 anos teve os primeiros sintomas em 6 de agosto e desde o dia 13 estava internada com a doença. Segundo a prefeitura, ela não possuía comorbidades.

A segunda morte foi registrada por volta das 21h30. A mulher de 66 anos havia apresentado os primeiros sintomas e realizado a internação no hospital no mesmo dia que a irmã. A vítima, que tinha comorbidades, não havia tomado a vacina.

As duas foram sepultadas no cemitério municipal da cidade, segundo uma parente. Nas redes sociais, amigos e familiares lamentaram a morte dos irmãos.

Fonte: G 1