Ouça agora

ALVORADA MUSICAL

com PAULO MARQUES

Política

Rádio Colonial volta a transmitir sessões ordinárias da Câmara de Três de Maio

  • 07/06/2021 - 12:38
Rádio Colonial volta a transmitir sessões ordinárias da Câmara de Três de Maio
Reprodução/Site da Câmara de Vereadores de Três de Maio

Nesta segunda-feira (07/06) a Rádio Colonial volta a transmitir ao vivo as sessões ordinárias da Câmara de Vereadores de Três de Maio. A 16ª Sessão Ordinária terá início às 19 horas.

A emissora transmitiu as reuniões do Legislativo Municipal por 27 anos ininterruptos com a cobertura do jornalista Paulo Marques. Em 2020, porém, a Mesa Diretora da Câmara decidiu transmitir as sessões exclusivamente pelo Facebook, o que gerou descontentamento de parte dos parlamentares e da comunidade.

Diversos pedidos da comunidade foram encaminhados a atual legislatura no sentido de se retomar a transmissão das sessões pela Rádio Colonial.

O atual presidente da Câmara, Antônio de Oliveira, destaca que o retorno das transmissões pela Colonial darão ainda maior publicidade na divulgação das atividades legislativas. As sessões continuam sendo transmitidas também no Facebook e no Youtube

Na pauta da sessão de hoje está o Projeto de Lei nº 013/2021, de origem Executiva, o qual “Autoriza transferência de titularidade de terreno localizado no Parque Empresarial II, nos termos do art. 7º, parágrafo único, da Lei nº 2.937/2016, redação dada pela Lei nº 3.193/2001.”

Também o Projeto de Lei nº 05/2021, de autoria do vereador Diogo Wolf (PT) que dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Proteção e Defesa dos Animais (CMPDA). E a Indicação Legislativa nº 012/2021, de autoria do Vereador Alexandre Marcelo Ott (PT), solicitando “que o Poder Executivo Municipal faça um estudo técnico para instalação de câmeras de segurança na área externa e que se mantenham fechados os acessos as escolas e dentro do possível adote as medidas necessárias a fim de disponibilizar profissionais da vigilância para atuarem junto as escolas da rede municipal de ensino”.

Fonte: Redação